Obra de Nei Lopes é fundamental para se pensar o país e a sua História

2015-805481438-2015040612759.jpg_20150406

RIO – Se há um termo malandro para definir Nei Lopes, este termo é “catigoria”, bem ao estilo baiano-carioca, como ouvi de um amigo baiano, Dino Coutinho, tio de Philippe — o da Seleção, do Liverpool etc. Pois bem. Nei Lopes é uma surpresa a cada ano. Nos força a cuidar do coração e do espírito. De compositor de sucessos, como o antológico “Senhora Liberdade” (parceria com Wilson Moreira), transformou-se também num escritor surpreendente e versátil.

Leia mais sobre esse assunto AQUI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>