Seminário Caminhos para uma Educação Democrática chega a Seropédica

12 - seminario-rio-seropedica-2011

Depois do sucesso no Rio de Janeiro, em São Paulo, Queimados, Vassouras, Cabo Frio e Macaé, chegou a vez de Seropédica receber o seminário “Lei 10.639: Caminhos para uma Educação Democrática”, no dia 20 de outubro, no CAIC Paulo Dacorso Filho – Universidade Rural. A intenção é debater sobre a implementação do ensino das histórias da África e da Cultura Afro-brasileira nas escolas de todo o Brasil e mostrar a importância da participação dos professores como orientadores no Concurso de Redação Camélia da Liberdade 2011, que tem a realização do Centro de Articulação de Populações Marginalizadas (CEAP) e o tema “Luiza Mahin: uma rainha africana no Brasil”.

12 - seminario-rio-seropedica-2011
Com mais este evento, o CEAP pretende contribuir para a consolidação dos processos democráticos nas escolas e para a aplicação da Lei 10.639/03 nos ensinos Médio e Fundamental, além de propiciar momento coletivo de formação qualificada de docentes sobre matriz africana e afro-brasileira nos currículos escolares, numa perspectiva disciplinar e interdisciplinar.

Para a coordenadora do seminário, professora Azoilda Loretto da Trindade, a realização desse evento é mais uma contribuição que soma a muitas outras iniciativas, para que o conhecimento sobre história e cultura africanas e afro-brasileiras se constituam parte integrante do saber na formação da população brasileira. “O contato com a diversidade humana na sua complexidade e paradoxos, notadamente no âmbito da comunidade escolar, nos faz sempre buscar soluções diante das desigualdades, como do racismo e machismo. Como educadores, a realização de um trabalho de formação com esses professores é tarefa continuada na perspectiva de uma educação democrática”, diz.

Um grupo de dança será a atração cultural logo após a mesa de abertura e lançamento do concurso, que contará com a participação do secretário executivo do CEAP, Luiz Carlos Semog; secretária de Educação de Seropédica, Lucia Baroni Martinazzo, secretária e subsecretário de Cultura, Nádia Alvarez e João Marcelo; José Maurício Novaes de Abreu, do Conselho Municipal da Igualdade Racial; secretário de Saúde, Alexandre Borges; e o conselheiro estratégico do CEAP, Ivanir dos Santos.

Cartunista na primeira mesa
A primeira mesa, “Luiza Mahin: uma heroína em nossa luta”, vai contar com a participação de Ele Semog e do cartunista Ykenga, que ilustrou a revista em quadrinhos com a história da personagem-tema. O trabalho do cartunista é parte do kit de apoio aos docentes participantes do concurso.

Na segunda mesa, “Consolidando Práticas Democráticas: História e Cultura Africanas e Afro-brasileiras nos Currículos Escolares”, a coordenadora dos APNs Rio de Janeiro, professora Darci da Penha Pereira, está confirmada, além dos professores Marcelo Rezende e Maurício José Maurício Novaes de Abreu, que darão depoimentos sobre artes e sobre a Lei 10.639 nas escolas estaduais e municipais, respectivamente.

Mais debates ocorrerão antes da mesa redonda “Diálogos com a Lei 10.639/03”, que vai acontecer das 14h às 16h. A professora Eloísa Elena Sabino Ribeiro falará sobre o tema Anemia Falciforme na Escola; a professora Mara Ribeiro, sobre pedagogias escolares; e o conselheiro estratégico do CEAP, Ivanir dos Santos, sobre intolerância religiosa.

Outra apresentação cultural vai agitar o evento após o debate promovido pela última mesa.

A entrega de certificados acontecerá entre 16h e18h30, e, para encerrar, um coquetel será oferecido aos participantes.

O seminário tem o apoio da Cesgranrio, da Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), Secretaria Municipal de Educação (Semed) e Coordenadoria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Coppir). O patrocínio é da Petrobras.

As inscrições podem ser feitas gratuitamente no site www.ceaprj.org.br.

O credenciamento para quem não realizar inscrições prévias acontecerá de 8h às 10h, momentos antes ao seminário.


Centro de Articulação de Populações Marginalizadas – CEAP
Comunicação CEAP – Tel.: 21 7846-0412 / 21 2232-7077

2 Responses to Seminário Caminhos para uma Educação Democrática chega a Seropédica

  1. Maria Goreti Campanha de Mendonça disse:

    Boa tarde Senhores!

    Sou da Escola Estadual Maria Iracema Munhoz, coordenadora do Ensino Fundamental, peço a gentileza de aos senhores de informar-me quanto ao tema (sujestivo) deste ano para o Campeonato de Redação,pois faremos um projeto assocido com o Dia da Consciência Negra.

    Sem mais para o momento, agradeço pelo carinho dispensado pela nossa Escola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>